X

Saiba como a nuvem e as novas tecnologias habilitam a transformação nos negócios e na sociedade.

Tecnologia inteligente proporciona uma abordagem mais pessoal ao RH

Guest Author
This is a syndicated post, view the original post here

Novos recursos do Oracle HCM Cloud incluem funções abrangentes de autosserviço, controles "inteligentes" e conectividade ponto a ponto expandida.

Por John Soat*

A Oracle adicionou uma série de novos recursos a seus aplicativos de RH em nuvem, incluindo funções abrangentes de autosserviço, controles "inteligentes" e conectividade ponto a ponto expandida, tudo isso facilitado por um assistente digital com inteligência artificial voltado para dispositivos móveis e habilitado para voz.

"Trata-se, na verdade, de como os funcionários estão interagindo com a organização e de como podemos capacitá-los a fazer isso de uma maneira melhor e mais eficiente", disse Chris Leone, vice-presidente sênior de Desenvolvimento para o Oracle Human Capital Management (HCM) Cloud, em um apresentação no Oracle OpenWorld 2019, realizado em setembro nos EUA. A voz, por exemplo, é o futuro da interação entre funcionários e aplicativos, disse Leone, "porque é a maneira pela qual esperamos interagir uns com os outros; então, por que não levar isso para o software?".

-Leia mais: Pessoas confiam mais em robôs no trabalho, segundo estudo da Oracle

Os novos recursos derivam da estratégia geral para aplicativos adotada pela Oracle, caracterizada por reconhecimento de voz via uma interface móvel, um assistente digital intuitivo e pervasivo, e um mecanismo de recomendação cujos algoritmos de machine learning permitem sua melhoria contínua.

Além de voz, o assistente digital HCM da Oracle é capaz de entender textos de SMS e e-mails. Os usuários podem acessá-lo também via dispositivos domésticos com comando por voz. O processamento de linguagem natural e os algoritmos de ML do assistente digital o ajudam a descobrir a "intenção" por trás de palavras e frases, auxiliam na classificação de currículos e oferecem recomendações e próximas etapas durante interações com funcionários.

Por exemplo, o assistente digital dará aos funcionários respostas rápidas para perguntas comuns como "Quem é meu representante de RH?" e "Quais são meus benefícios?". Ele também envia alertas aos funcionários para que concluam processos de RH, como análises de desempenho, e oferece "avisos" sobre possíveis mudanças de carreira, disse Kai Petzelt, vice-presidente de Marketing de Produtos da Oracle, em outra apresentação no Oracle OpenWorld.

Candidatos a vagas poderão enviar suas inscrições usando o assistente digital, importar dados do LinkedIn para o aplicativo de recrutamento da Oracle e fazer perguntas sobre opções de carreira e cobertura de benefícios — "um conjunto de perguntas centradas no ser humano que permitem [aos candidatos] ter uma ideia de como será trabalhar nesta empresa", disse Leone.

"Experiência mais personalizada"

Mas um assistente digital com inteligência artificial não é a única maneira de aumentar a eficácia das organizações e processos de RH. "Um dos nossos atuais focos é fornecer uma experiência muito mais personalizada a cada funcionário, a cada trabalhador da nossa empresa", disse Leone.

Por exemplo, o recém-lançado Experience Design Studio da Oracle, que faz parte do pacote HCM Cloud, é um "ambiente sem código" que permite aos gerentes de negócios de RH criar "regras condicionais" — os processos ou transações nos quais um funcionário pode estar envolvido — adaptadas ao país, à unidade de negócios e à função desse funcionário na organização. E permite que eles criem "processos de negócios baseados em eventos", que disparam o próximo conjunto de tarefas de RH após uma mudança significativa, como, por exemplo, quando um funcionário se casa.

A mobilidade da carreira é de crescente importância para a força de trabalho atual — e para todo empregador futurista em busca de evitar uma iminente escassez de mão de obra e a fuga de cérebros. É por isso que o Oracle HCM Cloud está sendo modernizado para se concentrar em "permitir que os empregadores forneçam um ambiente onde seus funcionários entendem como será o futuro deles", disse Leone.

Ele demonstrou um novo aplicativo do Oracle HCM Cloud chamado Connections, executado na interface de usuário móvel reprojetada da empresa, conhecida como Redwood. Semelhante a uma combinação de mecanismo de busca e sistema de mapeamento, ele permite que os funcionários "encontrem pessoas semelhantes a eles dentro da organização", disse Leone.
Usando o Connections com o assistente digital do HCM e sua capacidade de pesquisa preditiva, os funcionários podem explorar a organização por meio de uma variedade de categorias — habilidades, departamentos, pessoas, localização geográfica — para encontrar uma nova posição ou apenas "encontrar alguém com quem desejam se conectar", ele disse.

Leone observou que o sistema de RH de uma empresa é "de fato o único sistema corporativo que interage com todos os funcionários" e, como tal, é o local ideal para começar a impulsionar a IA e outras inovações tecnológicas em toda a organização.

*John Soat é um premiado jornalista que escreve sobre tecnologia da informação há mais de 25 anos.

Be the first to comment

Comentários ( 0 )
Please enter your name.Please provide a valid email address.Please enter a comment.CAPTCHA challenge response provided was incorrect. Please try again.