X

Saiba como a nuvem e as novas tecnologias habilitam a transformação nos negócios e na sociedade.

Oracle Cloud Infrastructure inova ao disponibilizar GPUs NVIDIA A100 na nuvem

This is a syndicated post, view the original post here

A melhor nuvem de HPC da categoria alia as vantagens do relação preço-desempenho on-premise com a flexibilidade da nuvem.

A Oracle anunciou que é a primeira grande provedora de nuvem a disponibilizar a GPU Tensor Core NVIDIA A100 em instâncias bare metal. As mais recentes instâncias de GPU da Oracle permitem que clientes de setores como o automotivo e aeroespacial, executem aplicativos complexos, que exigem alto desempenho e intenso uso de dados, para modelagem e simulações, por exemplo, com muito mais eficiência e a um custo mais baixo do que nunca. Comece aqui.

Com as GPUs Tensor Core NVIDIA A100 sendo executadas em instâncias bare-metal, a Oracle Cloud Infrastructure pode executar modelos de IA complexos e sistemas de deep learning de 2,5 a 6 vezes mais rapidamente que instâncias com gerações anteriores de GPUs.

-Leia mais: Novo serviço JSON mostra como a Oracle está trabalhando para os desenvolvedores

Quando executada na Oracle Cloud, a nova GPU A100 ajuda as empresas a extrair mais valor de seus dados e inovar mais rapidamente, permitindo avanços importantes, como teste e desenvolvimento de novos medicamentos, construção de aviões mais seguros e fornecimento mais rápido de recursos naturais. Além disso, os clientes podem, pela primeira vez, executar seus complexos aplicativos de HPC usando o GPUDirect sobre a rede NVIDIA Mellanox RDMA, que permite clusters de milhares de GPUs, conectadas com latência de microssegundos, para fornecer altíssima potência computacional sob demanda.

"Desde sua concepção, a Oracle Cloud Infrastructure sempre usou as GPUs da NVIDIA, começando com a geração Pascal, depois Volta e agora Ampere. Nossos clientes exigem o melhor de uma solução on-premise, porém com todos os benefícios da nuvem, e é isso que estamos oferecendo com nossa nova instância de GPU em execução na mais recente GPU A100 da NVIDIA", disse Karan Batta, vice-presidente da Oracle Cloud Infrastructure.

"Temos a maior, mais eficiente e mais econômica oferta de A100 na nuvem, pois oferecemos o dobro de memória e muito mais armazenamento local do que os concorrentes. Esta é a instância de GPU que os clientes estavam esperando para migrar para a nuvem e alcançar avanços importantes."

"A computação acelerada é essencial para impulsionar avanços em pesquisa para empresas de todos os setores", disse Ian Buck, Gerente Geral e Vice-presidente de Computação Acelerada da NVIDIA. "Ao incluir as GPUs Tensor Core NVIDIA A100 no seu serviço em nuvem e oferecer escalabilidade para mais de 500 GPUs interconectadas com a rede Mellanox, a Oracle fornece o desempenho computacional necessário para acelerar o trabalho mais crítico que está sendo feito atualmente em inteligência artificial e computação de alto desempenho."
GPUs Tensor Core NVIDIA A100 executadas na Oracle Cloud Infrastructure

A nova instância bare metal, GPU4.8, possui oito GPUs Tensor Core NVIDIA A100 com 40 GB de memória cada, todas interconectadas via NVIDIA NVLink™. A CPU integrada tem 64 núcleos físicos de processadores AMD Rome executados em 2,9 GHz e suportados por 2,048 GB de RAM e 24 TB de armazenamento NVMe. A nova instância bare metal da GPU da Oracle faz parte da arquitetura de rede de clusters de alta velocidade e baixa latência, permitindo aos clientes escalar para clusters com mais de 500 GPUs, com NVIDIA Mellanox RDMA sobre RoCE, para executar cargas de trabalho distribuídas de grande escala que exigem RDMA, e fornecendo até 1,6 TB de largura de banda por nó bare-metal.

Além da instância bare-metal, as organizações poderão implantar uma, duas ou quatro GPUs por máquina virtual nos próximos meses. Essas formas de instância também darão aos clientes acesso a todos os conjuntos de ferramentas existentes, como VMs de ciência de dados pré-configuradas e otimizadas para GPUs, para executar qualquer contêiner de deep learning ou HPC da NGC da NVIDIA, um hub de contêineres nativos da nuvem e otimizados para GPU, modelos e SDKs específicos do setor.

Expansão do ecossistema de GPUs
A Oracle também está anunciando imagens, pilhas de soluções e serviços que ampliam a capacidade dos usuários de extrair valor de seus dados, incluindo:

-Pilha de soluções de operações de ML desenvolvidas com IA – automatiza o fluxo de trabalho completo usando o Apache Airflow e instanciando um cluster de formas bare metal da GPU NVIDIA A100 para treinamento distribuído e inferência.

-Pilhas de soluções empacotadas de operações de mídia – automatizam os fluxos de trabalho usando o framework do Apache Airflow para operar um pipeline de operações de mídia autogerenciadas na Oracle Cloud. Isso amplia a capacidade dos clientes de compactar, empacotar e distribuir conteúdo.

-Pacote de orquestração de operações de ML nativo na nuvem – permite que os cientistas de dados se concentrem na inovação usando o Kubeflow de código aberto juntamente com as imagens desenvolvidas pela Oracle Cloud Infrastructure e a imagem em nuvem NGC para automatizar a movimentação de dados e a criação de instâncias de computação.

-Imagem HPC Julia baseada em IA – pilha de automação para imagem HPC, desenvolvida com Julia e instalada com o Jupyter Notebook, e o ambiente de desenvolvimento IJulia, testado e otimizado para GPUs NVIDIA A100. Combinado com a tecnologia da GPU multi-instância NVIDIA A100 e as formas HPC da Oracle, o ambiente está se mostrando mais rápido do que os sistemas mais antigos com Python.

-Imagem pré-configurada de ciência de dados e IA – inclui as bibliotecas Deep Neural Network da NVIDIA, frameworks comuns de Ml/deep learning, Jupyter Notebooks e ambientes comuns de desenvolvimento integrado Python/R. Disponível no Oracle Cloud Marketplace.

O IDenTV oferece análise avançada de vídeo baseada em funcionalidades de IA alimentadas por visão computacional, reconhecimento de voz automatizado e classificadores semânticos textuais.

"O volume de dados de streaming de vídeo que está sendo criado está crescendo exponencialmente. Para oferecer análises e insights em tempo real, é necessário o mais alto nível de unidades de processamento gráfico", disse Amro Shihadah, fundador e COO da IDenTV. "A Oracle Cloud Infrastructure oferece isso com a nova GPU NVIDIA A100, onde esperamos um ganho imediato de desempenho de 35%."

DeepZen produz soluções de voz digital para audiolivros, publicidade, marketing, vozes de marcas e outros tipos de conteúdo de voz, incluindo podcasting, jogos e assistentes virtuais. "Replicar a voz humana com IA depende consideravelmente da potência de processamento e a Oracle Cloud Infrastructure oferece isso com a nova GPU NVIDIA A100", disse Kerem Sozugecer, Co-fundador e CTO da DeepZen Limited. "Isso proporcionou um aumento imediato de 37% no desempenho, e nos permitiu escalar nossos negócios."

Oracle for Startups
Com a explosão do uso de machine learning e aplicativos de computação intensiva, as empresas já estão se beneficiando da parceria entre a Oracle e a NVIDIA. Por meio da parceria entre a Oracle for Startups e a NVIDIA Inception, a Oracle está acelerando startups de IA com a profunda experiência técnica da NVIDIA e tecnologia de GPU líder do setor na Oracle Cloud.

As startups também estão se beneficiando da capacidade de ambas as empresas de conectá-las com clientes em potencial e aproveitar a vasta gama de recursos de marketing e desenvolvimento de negócios, que serão essenciais para seu crescimento.

Be the first to comment

Comentários ( 0 )
Please enter your name.Please provide a valid email address.Please enter a comment.CAPTCHA challenge response provided was incorrect. Please try again.