X

O impacto da computação em nuvem e da automação na nossa sociedade, de indústrias a profissões.

  • October 31, 2018

Blockchain traz agilidade e custos menores aos bancos

Guest Author

Por Carlos Cruz, Industry Innovation Advisor

Em alta, tecnologia emergente pode ajudar instituições financeiras a modernizarem suas operações

Uma das tecnologias emergentes mais celebradas na atualidade, ao lado da Inteligência Artificial (IA) e do Machine Learning (Aprendizado de Máquina), o Blockchain vem chamando a atenção de diferentes segmentos do mercado pela promessa de trazer mais confiança e menos burocracia às transações.  

Isso fica claro quando olhamos para o crescimento dos investimentos na plataforma de registros descentralizados. Segundo uma pesquisa recente da IDC, os gastos com a tecnologia devem alcançar a marca de US$2,1 bilhões em 2018, mais do que o dobro dos US$945 milhões registrados no ano passado.    

Apesar da presença cada vez maior do Blockchain em áreas variadas de negócios, a área financeira responde pela maior parte dos investimentos. Este setor deve gastar US$754 milhões em Blockchain neste ano, conforme a IDC. Ainda de acordo com a consultoria, esse predomínio do segmento de finanças é impulsionado principalmente pela adoção rápida da plataforma entre as companhias do setor bancário.

Leia mais: Você sabe como é o Banco do Futuro?

Mas o que o Blockchain pode oferecer aos bancos? Entre outros fatores, o que vem atraindo as empresas desta área para a nova tecnologia são as possibilidades de redução de custos, simplificação de processos operacionais e maior segurança e transparência em transações.

Hoje, um dos principais focos das instituições bancárias que buscam adotar uma plataforma como a Oracle Blockchain Cloud Service está no setor de pagamentos. Isso acontece porque a tecnologia pode trazer muitas melhorias para as transferências internacionais, geralmente associadas a prazos longos e altas taxas.  

Ao diminuir os intermediários e acabar com a necessidade de integrar diferentes infraestruturas, por exemplo, o Blockchain pode trazer benefícios como agilizar o processo de pagamentos e diminuir os gastos envolvidos nas operações, aponta a Deloitte em um artigo sobre o assunto. 

Outro uso do Blockchain que vem ganhando força no setor bancário são os chamados contratos inteligentes (smart contracts, em inglês), que permitem que as empresas ganhem agilidade e garantias ao mesmo tempo em que diminuem custos na execução de contratos. Isso é possível graças à capacidade do Blockchain de automatizar a aplicação de diferentes cláusulas do contrato, de modo parcial ou completo. 

Além das situações acima, destaco que o Blockchain também já mostrou potencial para beneficiar o setor financeiros de outras formas, incluindo diminuir os riscos de fraudes nas operações de forma geral, por conta da sua rastreabilidade, e simplificar o mercado de compra e venda de ações. ​

Be the first to comment

Comments ( 0 )
Please enter your name.Please provide a valid email address.Please enter a comment.CAPTCHA challenge response provided was incorrect. Please try again.